A Casa do Abacateiro.

unnamed (69)É o nome de um hostel, poderia ser nome de um livro. O hostel está instalado em uma rua tranquila do bairro de Botafogo no Rio de Janeiro, ele tem muitas histórias de viajantes para contar.
unnamed (66)Iniciando pela dona do hostel a Cláudia, uma jovem colombiana incrível, que veio estudar no Brasil, se encantou com a cidade e arranjou um jeito de ir ficando por aqui.
unnamed (83)Algum tempo depois de trabalhar em um hostel, montou o seu próprio. A Casa do Abacateiro, um ambiente acolhedor, em um casario antigo da rua São Manuel, número trinta.
unnamed (90)Na sala do hostel já teve até festa de casamento de uma amiga. A mesa de refeições é dividida com muitas pessoas, oriundas de vários lugares diferentes, sotaques e línguas estrangeiras fazem de tudo para se entenderem, “é uma casa muito engraçada”.
unnamed (67) unnamed (85)Neste vasto universo de recortes culturais, e um mundo colorido de pessoas que passam por ali, vão sendo costurados, todos dias, as impressões que cada um traz de suas andanças pelo mundo.
unnamed (89)Foi o local escolhido para eu me hospedar no Rio de Janeiro, pela produção dos episódios ap.302, do fotografo Jorge Bispo, programa que gravei para emissora de TV Canal Brasil. Fui gravar a segunda temporada.
unnamed (45) unnamed (56)Conversando com a Cláudia, a dona do hostel, descobri que ela também havia gravado o programa na primeira temporada e como tinha sido reveladora esta experiência em sua vida.
jorge bispoCom tantas histórias de pessoas que passam por este casario antigo, em frente a um enorme pé de abacateiro, podia sim, inspirar um livro de contos de viajantes.

unnamed (28)

Coloque Brasília no seu roteiro de viagem.

A capital brasileira me proporcionou uma experiência que eu não imaginava possível. Foi no último fim de semana de abril, quando participei do encontro de blogueiros de viajem – I Encontro BSB.

I Encontro BSB
I Encontro BSB
Grupo de blogueiros na Igreja Nossa Senhora de Fátima
Grupo de blogueiros na Igreja Nossa Senhora de Fátima – Foto: Monique Renne

Fui guiada por brasilienses que mostraram a cidade onde eles nasceram e cresceram, que abriga um conceito moderno, predestinada a ser um farol para a humanidade.

A cada passo, em cada quadra, superquadra e eixo monumental ia sendo desvelado, para o grupo, o verdadeiro sentido desta construção monumental no Planalto Central.

IMG_3107Nas palavras dos guias tudo em Brasília foi pensado para o convívio dos seus habitantes, todos os espaços são públicos: as passagens sob os pilotis dos edifícios, as áreas de lazer das quadras, escolas, clube, biblioteca, etc.

Superquadra Modelo - visita guiada pelo Experimente Brasília
Superquadra Modelo – visita guiada pelo Experimente Brasília

IMG_3146 IMG_3154 IMG_3160Visitamos a quadra modelo de Brasília – Superquadra Sul 308
“A 308 Sul é considerada quadra modelo de Brasília por ser referência de como deveriam ser as superquadras da cidade: espaços bem definidos com toda infraestrutura básica para atender as necessidades de seus moradores.
Assim, nela foram construídos: Clube Unidade de Vizinhança, Escola Classe, Escola Parque, Jardim de Infância, Espaço Cultural da 508 Sul, Posto de Saúde,

Igreja Nossa Senhora de Fátima
Igreja Nossa Senhora de Fátima

IMG_3135Biblioteca Pública, a Igrejinha de Fátima, supermercados e agora, o Posto Policial Comunitário número 073.
É a única quadra a ter o projeto paisagístico assinado por Burle Marx. É também pioneira na construção de garagens subterrâneas e seu arruamento tornou-se um padrão seguido por grande parte das construções da cidade. ”

Catedral de Brasília
Catedral de Brasília

IMG_3264Na ampla avenida do eixo monumental, com seu imenso gramado, foi sendo traçado os caminhos, pelas marcas dos passos apressados das pessoas que ali cruzavam, só muito tempo depois foi pavimentado, na maioria em forma de X. Pois, é no meio que os caminhos se cruzam.

Sede do Legislativo
Sede do Legislativo
SAMSUNG CAMERA PICTURES
Sede do Executivo

A sustentável leveza da arquitetura do Plano Piloto com o eixo apontado para o leste onde o sol nasce, na imensidão do horizonte azul, o céu serve de cobertura perfeita para abrigar a praça dos três poderes, onde estão erigidos os monumentos de Oscar Niemeyer.

Passagem pública sob o pilotis da quadra
Mapa do Plano Piloto

A forma idealizada em asas, que remetem ao avião, ao pássaro, a borboleta, sinaliza que deve haver um equilíbrio para alçar o voo. O tamanho e o peso das asas devem ser iguais. Liberdade! Abra as asas sobre nós!

A chama que nunca se apaga
A chama que nunca se apaga
SAMSUNG CAMERA PICTURES
O vento que agita a bandeira sob um céu de anil.

“Esta seria uma poderosa mensagem de paz e esperança não só para os brasileiros, mas para toda a Humanidade, pois o “Grande Pássaro da Paz” circunda, com seu voo, a Terra”.
Fonte: http://filosofiaimortal.blogspot.com.br/2013/04/a-historia-oculta-de-brasilia.html

O #EncontroBsB foi idealizado e organizado por Camilla Kafino do Ensaios de Viagem, aconteceu entre os dias 24 e 26 de abril de 2015 na cidade de Brasília, Distrito Federal, e contou com a colaboração de Camila Torres (Colecionando Ímãs) e Diego Paiva (Nós no Mundo), patrocínio de Melhores Destinos e Experimente Brasília.

Blogs Participantes
Apoio
 
 

Ao natural.

Na busca de um local deserto na Praia do Espelho - Porto Seguro - Bahia
Na busca de um local deserto para ficar nua na Praia do Espelho – Porto Seguro – Bahia – Brasil

A roupa é a última fronteira de nossa armadura,

que nos protege do tempo, dos outros e de nós mesmos.

Praia oficial de nudez opcional em Punta Del Este - Uruguai
Praia oficial de nudez opcional  Playa Chihuahua – Punta Del Este – Uruguai
Praia Escondida nudez opcional- Mar del Plata - Argentina
Praia oficial, nudez opcional, Playa Escondida- Mar del Plata – Argentina

O que era para ser natural, virou um artifício.

A nudez tem que fazer sentido, tem que ter hora e lugar.

Clube Naturista Colina do Sol local de nudez obrigatória - Taquara - RS - Brasil
Clube Naturista Colina do Sol – nudez obrigatória – Taquara – RS – Brasil

Para ficar ao natural saímos sempre em busca de um local.

Em casa evitamos a exposição da nudez perto de janelas.

Praia de Ponta Grande é permitido o topless - Porto Seguro- Bahia - Brasil
Praia onde é permitido o topless Ponta Grande – Porto Seguro- Bahia – Brasil

 

Nas praias buscamos uma que seja deserta.

Nos locais oficiais de nudez seguimos as regras.

Lago da Colina do Sol - Taquara - RS - Brasil
Lago da Colina do Sol, nudez obrigatória – Taquara – RS – Brasil

Vamos naturalmente  cedendo o espaço.

Sempre em busca de algo que já nasceu conosco ao natural.

A nudez do corpo liberdade de alma. Praia do Espelho - Porto Seguro - Bahia - Brasil
A nudez do corpo e a liberdade de alma. Praia do Espelho – Porto Seguro – Bahia – Brasil

A nudez de corpo e de alma!

 

 

Sintonia do encontro

Para participar da 4º edição Curitiblogando, cheguei a Curitiba na sexta feira do dia 5/12/2014, com o dia praticamente livre, por sugestão da Poliana do blog www.comendochucruteesalchicha.com.br glacyfui visitar o Museu Oscar Niemeyer, famoso museu do olho.
Uma dica imperdível a exposição “Genesis”, do fotógrafo Sebastião Salgado que fica no museu até o dia 15 de março de 2015.
“As fotos de Sebastião Salgado são famosas no mundo inteiro. Suas imagens em preto e branco de trabalhadores e refugiados já ganharam inúmeros prêmios e são reconhecidas pela profunda dignidade que despertam no interlocutor. Em 2013, depois de oito anos de reportagens, Salgado expôs pela primeira vez o celebrado Projeto Gênesis, que deu origem ao livro de mesmo nome. Em uma jornada fotográfica por lugares intocados, onde o homem convive em harmonia com a natureza, o fotógrafo pôde declarar seu amor à Terra, em sua grandeza e fragilidade.”
IMG_20141205_164951 IMG_20141205_170226 IMG_20141205_170442O documentário “O Sal da Terra” sobre o fotógrafo Sebastião Salgado está entre os cinco finalistas na categoria de Melhor Documentário Longa-Metragem na 87ª edição do Oscar. Conta a vida do fotógrafo e explora algumas das viagens feitas para o projeto “Genesis”.
IMG_20141205_171145 IMG_20141205_171444Em sua extensa área verde, o museu é um local de lazer dos curitibanos e visitantes.

Área externa do museu
Área externa do museu

IMG_20141205_172057Finaleira do encontro acompanhei o Cleber e o Fábio do blog: http://www.viagenscinematograficas.com.br, ao passeio na Ópera de arame e ao Parque Tanguá.
Muito difícil de traduzir Curitiba, tudo que a cidade oferece ao turista é mais que hospitalidade, é encantamento.
IMG_0620 IMG_0617 IMG_0605E, quando se tem a oportunidade de ser apresentada a ela por um grupo de blogueiros de viagens tão disponíveis, não tenho palavras, sou amadora no ramo.
Amo fazer o que faço, e agradeço aos organizadores do 4º Curitiblogando que me emudeceram, na falta das palavras, fica o agradecimento, por tudo e a todos os participantes.

Blogueiros da Rede Curitiba: Anna Martinelli e Mariana Fachin (Finestrino), Robson Franzói (Um Viajante), Natasha Schiebel e João Guilherme Brotto (Pra Ver em Londres), Leidinara Batista (Férias Now), Jr Caimi (Tip Trip Viagens).

Blogueiros convidados: Elaine Castro (Viagem Massa), Patricia Tayão (Viajar Hei), Patrícia Camargo (Turomaquia), Jonathan Pádua (Eu Vou De Mochila), Luciano Gusmão (Viagem Sem Frescura), Poliana Cardozo (Comendo Chucrute e Salsicha), Laira Curado (Olhar de Viajante), Glacy Moraes Machado (Brasil Naturista), Nívia Guirra (Viagens Invisíveis) e Fábio Pastorello (Viagens Cinematográficas).

 

Quatro blogueiras e um Hostel.

No Largo da Ordem a porta que leva Curitiba Hostel no primeiro andar.
No Largo da Ordem a porta que leva Curitiba Hostel no primeiro andar.

Ficamos hospedada no Curitiba Hostel, eu, Blog da Glacy, www.brasilnaturista.com/blog, Poliana do Blog: www.comendochucruteesalsicha.com.br, Laira do Blog:  http://www.olhardeviajante.com.br, Patricia do Blog: http://www.viajarhei.com.

Uma parceria do IV Curitiblogando e o Curitiba Hostel, disponibilizando quatro vagas para os blogueiros  de outras localidades do Brasil, que vieram para o evento de 5 a 7 de dezembro de 2014.

Laira, Patricia e eu na sacada conferindo a feira de artesanato no Largo da Ordem.
Laira, Patricia e eu na sacada conferindo a feirinha do Largo…
Poliana servindo seu café da manhã no refeitório.
Poliana servindo seu café da manhã no refeitório.

Em um quarto de beliche nos acomodamos as quatro, recém-conhecidas, e já as melhores amigas de infância.

Um antigo casario de 1930, totalmente restaurado, no Largo da Ordem, com bares no térreo, sempre lotados ao final da tarde. O Hostel fica no primeiro andar.

O casarão de 1930 na esquina do Largo da Ordem ponto de encontro nos bares ao final da tarde.
O casarão de 1930 na esquina do Largo da Ordem ponto de encontro nos bares ao final da tarde.
Artista usando o Largo da Ordem como inspiração.
Artista usando o Largo da Ordem como inspiração.

Fomos muito bem recebidas, o pessoal da recepção muito atencioso, nos sentimos em casa. Um bem servido café da manhã, ao redor de uma grande mesa, onde todos podem tomar juntos o café.

 Laira saboreando suas frutas na sala junto a sacada.
Laira saboreando suas frutas na sala junto a sacada.
Mesa ampla para as pessoas sentarem juntas no café da manhã.
Mesa ampla para as pessoas sentarem juntas no café da manhã.

No primeiro andar bem junto à recepção vários espaços interligados por portas enormes, com ambiente de internet, livros, musica e uma sacada com uma vista ampla para o Centro Histórico de Curitiba, conhecido como Largo da Ordem.

Juju recepcionista no Hostel e também blogueira www.jujunomundo.com
Juju recepcionista no Hostel e também blogueira www.jujunomundo.com

Domingo de manhã acontece à feira de artesanato e atrações variadas, um passeio tradicional dos curitibanos e visitantes.

Cozinha do Curitiba Hostel.
Cozinha do Curitiba Hostel.
Na cozinha são preparadas todas estas delicias.
Na cozinha são preparadas todas estas delicias.
Sucos naturais...
Sucos naturais…

Visitamos a cozinha, onde são preparados os pães e bolos servidos no café e também sucos. Existem lugares nos refrigeradores para os hospedes colocarem seus mantimentos que necessitam ser refrigerados.

Cantinhos especias ...
Cantinhos especias …

Há também uma lavanderia que pode ser usada pelos hospedes para lavarem suas roupas.

O marco no Largo da Ordem onde iniciou a cidade e os pombos bebem água...
O marco no Largo da Ordem onde iniciou a cidade e os pombos bebem água…

No casarão se respira época, tradições e história, me senti hospedada, em grande estilo, da década de trinta, e fantasiei a rotina e o cotidiano dos primeiros moradores do casarão, cujo endereço, naquele centro histórico, originou-se a cidade de Curitiba, capital do Paraná.

Blogueiros da Rede Curitiba: Anna Martinelli e Mariana Fachin (Finestrino), Robson Franzói (Um Viajante), Natasha Schiebel e João Guilherme Brotto (Pra Ver em Londres), Leidinara Batista (Férias Now), Jr Caimi (Tip Trip Viagens).

Blogueiros convidados: Elaine Castro (Viagem Massa), Patricia Tayão (Viajar Hei), Patrícia Camargo (Turomaquia), Jonathan Pádua (Eu Vou De Mochila), Luciano Gusmão (Viagem Sem Frescura), Poliana Cardozo (Comendo Chucrute e Salsicha), Laira Curado (Olhar de Viajante), Glacy Moraes Machado (Brasil Naturista), Nívia Guirra (Viagens Invisíveis) e Fábio Pastorello (Viagens Cinematográficas).