Um ano que começa na beira do mar

O show de fogos de artifícios nos deixou por mais de dez minutos hipnotizados.
O show de fogos de artifícios nos deixou por mais de dez minutos hipnotizados.

Foi assim que rompemos o ano de 2015, na beira do mar, na praia naturista do Pinho, em Santa Catarina.

Confraternização com os velhos e novos amigos naturistas que se encontravam na praia do Pinho.
Confraternização com os velhos e novos amigos naturistas que se encontravam na praia do Pinho.

O diferencial não foi só a nudez, foi a exata proporção de tudo: do sol, da chuva, do tom de azul do mar, das piscinas que se formavam junto as pedras na maré baixa, da ceia de réveillon, dos fogos de artifícios na beira da praia, da confraternização com os velhos e novos amigos.

Vista privilegiada da prai no mirante do Pinho.
Vista privilegiada da prai no mirante do Pinho.

Um ano para continuar no mesmo embalo que iniciou, fazendo de tudo para não desperdiçar a alegria.

As nuvens carregadas de chuva...
As nuvens carregadas de chuva...
Arrumação do acampamento...
Arrumação do acampamento...

Entrou água na barraca no camping, a gente se arranjou no outro lado que ficou seco, na certeza que no dia seguinte o sol viria a  brilhar e poderíamos esparramar no gramado tudo que molhou para secar.

O sol brilhou pela mãe soberano no mar...
O sol brilhou pela mãe soberano no mar...
Alegria de desfrutar um banho de mar num dia ensolarado...
Alegria de desfrutar um banho de mar num dia ensolarado...

Aceitamos os improvisos, é o melhor que temos para o momento. Nem pensamos em fazer limonada do limão, estava tudo correndo exatamente como tinha que ser.

Selfie na ceia de réveillon...
Selfie na ceia de réveillon...
Atração da ceia foi o boi no rolete by: Papito
Atração da ceia foi o boi no rolete by: Papito
Decoração da mesa com direito a lentilha garantindo a fartura para a entrada do ano
Decoração da mesa com direito a lentilha garantindo a fartura para a entrada do ano

Entramos com o pé direito, e com tudo que tínhamos direito:  alegria, festa, música, champanhe para brindar.

Salve São Jorge!!
Salve São Jorge!!

O ano novo, que chegou na garupa de São Jorge, galopando nas areias, que foram lavadas sete vezes, pelas ondas do mar.  Soprado pelo vento da bem-aventurança, para todos aqueles que estavam nus e vestidos de esperança, em um mundo de paz.

Modernas instalações para recepcionar o turista.
Modernas instalações para recepcionar o turista.

Quem veio para praia do Pinho passar o réveillon viu, quem não veio pode ver nas reportagens do site www.brasilnaturista.com

Um começo de ano com o pé direito, como deve ser.
Um começo de ano com o pé direito, como deve ser.

Se o começo do ano foi de um bom auspício, auspicioso será o ano!!

Este é o nosso desejo, para todos os assinantes e leitores do blog que são nossos parceiros e incentivadores e, o motivo maior de trazer sempre boas noticias sobre o mundo naturista.

Receba o ano novo como veio ao mundo

Conheço muitos lugares bonitos no Brasil mas o nordeste é especial.

Vista do mirante de Tambaba/Costa do Conde/PB
Vista do mirante de Tambaba/Costa do Conde/PB
Final da praia de Tambaba inicio de praia Bela.
Final da praia de Tambaba, início da praia Bela.

As belezas naturais da Costa do Conde, litoral sul da Paraíba, encantam ao visitante, até mesmo os frequentadores assíduos das praias, todo dia, conforme a maré tem um movimento de areia cobrindo e descobrindo os arrecifes.

Praia do Coqueirinho/Costa do Conde/PB
Praia do Coqueirinho/Costa do Conde/PB
Praia Bela/Costa do Conde/PB
Praia Bela/Costa do Conde/PB

O cenário muda constantemente. Aqueles que buscam por tranquilidade ou por locais mais badalados encontram, neste pedaço do litoral, divertimento garantido.

As piscinas naturais com a maré baixa em Tambaba
As piscinas naturais com a maré baixa, em Tambaba
As piscinas naturais com a maré subindo em Tambaba
As piscinas naturais com a maré subindo em Tambaba

A minha praia preferida é Tambaba obviamente, por ser naturista, e por concentrar todos os aspectos de beleza que descrevi do litoral.

Locais com a natureza intocável para se caminhar nu em Tambaba
Locais com a natureza ainda intocável para se caminhar nu na praia de Tambaba
Um mar infinitamente verde para se banhar...
Um mar infinitamente verde esmeralda para se banhar...

Quer fazer um réveillon diferente? Entrar o ano pulando as sete ondas nu, como veio ao mundo? Fazendo suas oferendas sem disputar espaço na areia com centenas de pessoas?

As pedras são esculturas a céu aberto feitas pelo vento e o mar
As pedras são esculturas a céu aberto, feitas pelo vento e o mar
Impossivel não se curvar diante de tanta beleza natural
Impossível não se curvar diante de tanta beleza natural
O mar que cava na areia deixando a mostra monumentos de pedras
O mar que escava, revelando os monumentos de pedras, encobertos pela areia

Ainda dá tempo. Busque a renovação, dispa-se de qualquer preconceito, se ainda os tiver, surpreenda ao outro convidando-o para uma entrada de ano diferente.

Lugar ideal para confraternizar com os amigos
Lugar ideal para confraternizar com os amigos
Visto assim do alto a praia de Tambaba é de tirar o folêgo
Visto assim do alto, a praia de Tambaba é de tirar o folêgo

Saudar a meia noite, como veio ao mundo, pode ser um renascimento para algo completamente novo e cheio de significado. Fé no que vira em 2012!

Uma luz vai acender primeiro na Sydney Harbour Bridge

O final de tarde é uma festa na baía de Sydney
O final de tarde é uma festa na baía de Sydney

Existem celebrações populares na maioria das grandes cidades na passagem do ano, já é uma tradição que atrai pessoas de todos os lugares do mundo,  buscando a alegria e a esperança de um futuro melhor.

A ponte um dos cartões postais de Sydney
A ponte um dos cartões postais de Sydney
O por-do-sol na Ópera House
O pôr-do-sol na Ópera House

A Sydney Ópera House e a Ponte de Sydney são uma das imagens mais conhecidas da Austrália. É lá que os fogos de artifícios vão explodir primeiro, juntamente com a alegria deste povo multicultural.

Gold Coast um cenário paradisíaco
Gold Coast um cenário paradisíaco
Nos céus um vôo solo
Nos céus um vôo solo

O Continente-Ilha como é conhecido, é um país próspero. Banhado pelo oceano Índico, a sul e a oeste, pelo mar de Timor, mar de Arafura e Estreito de Torres, a norte, e pelo mar de Coral e mar da Tasmânia, a leste. Ao todo são seis diferentes mares, para pular as sete primeiras ondas, na entrada do ano novo.

Mar da Tasmânia o furo das ondas no caiaque
Mar da Tasmânia o furo das ondas no caiaque

O Show do Réveillon começa doze horas antes do que aqui na terra de Cabral. Em um cenário arrebatador, sobre a Baía de Sydney. O mundo inteiro fica de olho nesse espetáculo, que abre as comemorações em volta do Globo e vão se sucedendo em cascata, conforme o relógio vai indicando, as doze badaladas da meia noite.

Registrando toda beleza do teatro no lado externo
Registrando toda beleza do teatro no lado externo

Deste outro lado do mundo eu saúdo a chegada de 2011 com uma lista de desejos:

– Saúde para conhecer lugares incríveis deste planeta.

– Liberdade para minha libido.

– Grandes doses de serotonina para enfrentar as dores

– Um saco de risadas para não me levar a sério demais.

Um brinde a todos que me acompanharam neste blog este ano e prometo que ano que vem volto com tudo!

Pelos caminhos que me levaram do outro lado do mundo
Pelos caminhos que me levaram ao outro lado do mundo na Austrália